1001 Filme #43 – Tempestade Sobre a Ásia

mongol herói

O Cinema Revolucionário Soviético gerou as pérolas mais famosas como O Encouraçado Potenkim e Um Homem com uma Câmera, mas tem outras obras-primas que ficam ofuscadas em um movimento. Este Tempestade Sobre a Ásia é uma surpresa em termos de história ao mudar o foco da revolução russa para os vizinhos mongóis.

Continuar lendo

Publicado em 1001 filmes | Marcado com , | Deixe um comentário

Doentes de Amor (The Big Sick – 2017)

Você acha que não pode encontrar uma boa comédia romântica? Doentes de Amor chega para quebrar essa expectativa com uma história real, emocionante, sincera e contada por bons comediantes. De defeitos, há apenas personagens perfeitos demais. Veja o vídeo.

Publicado em Filmes, Videocast | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

A Morte te Dá Parabéns! (Happy Death Day – 2017)

mocinha com martelo e espreitada por assassino.jpg

A Morte te Dá Parabéns! faz algo curioso em tempos em que todo mundo tenta padronizar filmes em categorias como gêneros ou clichês: mistura dois subgêneros em uma coisa só. O slasher é subvertido ao ser colocado em uma trama de Feitiço do Tempo. Com direto aos tropos típicos dos dois, mas um é a reviravolta do outro.

Continuar lendo

Publicado em Filmes | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Cenas que amamos – Alta e baixa manutenção (Harry & Sally: Feitos um para o Outro)

tela dividida de duas pessoas assistindo Casablanca

Comédias românticas talvez sejam os filmes com maior preconceito atualmente. Em grande parte porque o valor de produção do gênero não gera retorno suficiente com os padrões de estúdio e de independentes, então eles não são mais feitos. Mas muito também porque o número de obras de baixa qualidade é altíssimo. Está muito errado quem acha que não é possível haver uma comédia romântica boa. Basta relembrar de Harry & Sally.

Continuar lendo

Publicado em Cenas | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

1001 Filmes #42 – Marinheiro de Encomenda

bill jr mostra corda para namorada.jpg

Filmes do Buster Keaton, protagonista e um dos diretores desta produção, são relativamente repetitivos. O mesmo tema e o estilo de humor são sempre reutilizados. O que faz com que cada produção seja única é a originalidade com que ele muda os mesmos elementos e os torna novos.

Continuar lendo

Publicado em 1001 filmes | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Cenas que amamos – O filho pródigo (Blade Runner)

Roy Batty triste e consolado por Tyrell

Blade Runner é um filme de trama simples. Um policial especial é mandado para caçar um grupo de foragidos. O que faz da narrativa diferente é como ela aborda o que faz do agente Deckard único. Ele investiga, captura e assassina replicantes, pessoas feitas artificialmente. A premissa se torna muito mais profunda com os questionamentos que surgem disso.

Continuar lendo

Publicado em Cenas | Marcado com , , | Deixe um comentário

Blade Runner 2049 (2017)

K caminha pela rua a noite

Com alguma frequência me pego desamparado quando descubro artes conceituais de filmes com belos visuais. A imagem filmada em cenário com atores nunca se equipara ao desenho de produção original. O que ocorre nesta continuação desnecessária (e nem por isso ruim), é justamente o contrário. É impossível olhar para imagens como a acima e pensar que não se trata de algo próximo do design original.

Continuar lendo

Publicado em Filmes | Marcado com , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Pica-Pau: O Filme (Woody Woodpecker – 2017)

Ninguém está seguro na onda de Hollywood de fazer filmes com qualquer propriedade intelectual. Nem o anárquico Pica-Pau escapou e virou um filme comportadinho para crianças. Justamente por isso, chamamos uma mãe para falar sobre a experiência de assistir à produção junto com a filha.

Publicado em Videocast | Marcado com , | Deixe um comentário

1001 Filmes #41 – A Paixão de Joana D’Arc

Joana D'Arc abraça cruz diante da fogueira

A história de Joana D’Arc é uma das que mais dá preguiça. É um registro de um dos períodos mais ignorantes e sombrios da humanidade, que queimou uma garota de 19 anos numa fogueira porque ela, seja santa ou alucinada, questionou e fez o povo olhar feio para os homens que estavam no poder.

Continuar lendo

Publicado em 1001 filmes | Marcado com , | Deixe um comentário

Modos Fazem o Homem (Kingsman: O Círculo Dourado – 2017)

Eggsy elegante no bar

Poucos diretores têm a capacidade de fazer ação com violência extrema sem deixar de ser divertido. Atualmente, os três que vêm à cabeça com facilidade são o Quentin Tarantino, o Edgar Wright e o Matthew Vaughn, que dirigiu o primeiro Kingsman e agora, esta continuação.

Continuar lendo

Publicado em Filmes | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário