O Mercado de Notícias

noticia54385

O indivíduo dirigindo as quatro atrizes na imagem acima se chama Jorge Furtado. Ele é o diretor de pérolas como O Homem que Copiava, Saneamento Básico – O Filme e Ilha das Flores. Fortemente conectado com a produção televisiva nacional, de vez em quando ele se mete a fazer cinema e realiza grandes obras, como este O Mercado de Notícias.

Furtado entrevista seus jornalistas e repórteres brasileiros favoritos acerca da história do jornalismo no Brasil. Em paralelo, reconstrói uma peça de Ben Jonson chamada O Mercado de Notícias. O dramaturgo da Inglaterra vitoriana fez uma peça comentando o jornalismo na época em que este estava começando. A grande sacada do diretor é usar os elementos da peça para comentar o jornalismo atual.

O filme começa com o próprio diretor falando o prólogo da peça, sendo substituído em uma transição pelo ator que faz o narrador já interpretando o texto. Furtado deixa claro, ele está refazendo as discussões da peça em tempos modernos e, tal qual no material original, ele é o narrador que comenta sobre o jornalismo.

Usando de sua habitual capacidades com animações de arte, ele faz pequenos textos e transições em motion design que não apenas dão beleza para o filme, como são insights pontuais para o que é discutido na tela.

O_Mercado_de_Noticias_Foto_Fabio_Rebelo_divulgacaoA peça interpretada. Comentários que ainda valem para os dias de hoje.

A peça é representada em um teatro sem plateia. É tudo feito para as câmeras, que entram e saem do palco a seu bel prazer e capturam os momentos mais íntimos de cada ator e seus respectivos personagens. Quando os jornalistas falam sobre os interesses políticos em redações de imprensa e como é a interação repórter, editor, fonte e políticos, o filme corta para uma cena da peça na qual o personagem dono do jornal descobre que uma matéria falará a favor do catolicismo e manda os jornalistas mudarem o foco imediatamente.

A discussão passa pela influência da mídia contra o Fernando Collor e a favor do golpe militar. Fala sobre a origem do dinheiro para as redações, as diferentes funções dos jornalistas sob os diferentes pontos de vista de cada repórter. Os nomes dos entrevistados contam com Bob Fernandes, Cristiana Lôbo, Fernando Rodrigues, Geneton Moraes Neto, Janio de Freitas, José Roberto de Toledo, Leandro Fortes, Luis Nassif, Maurício Dias, Mino Carta, Paulo Moreira Leite, Raimundo Pereira e Renata Lo Prete. Muitos deles com opiniões opostas aos dos outros em relação a diversos assuntos.

cristiana-lobo-em-o-mercado-de-noticias-1407360825683_710x710A jornalista Cristiana Lôbo.

As conversas são interessantíssimas, com uma condução inteligente que mantém a atenção do espectador presa à tela. Principalmente para quem tem interesse na área de jornalismo e comunicação. Quando Furtado levanta uma matéria da Folha de S.Paulo para a qual fez uma apuração negativa, é divertidíssimo ver os profissionais da área rindo do absurdo do que foi publicado. Inclusive representantes da própria Folha. Retrato fascinante do nosso país.

 

FANTASTIC…

Sobre Vina

Publicitário frustrado, editor, cinegrafista, assistente e sonhador. Cinema é algo que não se entende completamente. Sempre se estuda.
Esse post foi publicado em Filmes e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para O Mercado de Notícias

  1. Pingback: Grandes filmes de 2014 | Aquela velha onda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s