I Ship It

battle-of-the-bands

Aviso de antemão, se você não gosta de comédias românticas de qualquer tipo ou não gosta de ruivas, vá procurar outro post do blog. I Ship It é um curta de comédia romântica sobre uma ruiva. Um que mistura o estilo pop recente dos filmes do gênero vindos do Canadá e linguagem de youtube.

Zoe (Kate Wiles) e Charlie são dois amigos que passam por términos de namoro ao mesmo tempo. O namorado dela ficou famoso e a largou para ficar com outra pessoa. Enquanto Charlie cria um blog para vender as coisas da ex, Zoe decide criar sua própria banda para competir com o ex e derrotá-lo no meio que ele domina.

O final é tão óbvio quanto você está imaginando. As reviravoltas são feitas dos mesmos clichês de sempre. I Ship It não é original por sua estrutura ou sua história. A diferença se encontra na forma como esses dois são narrados. Imagine que o Scott Pilgrim fosse um grande fã de Harry Potter e youtube no lugar de videogames. O resultado é mais ou menos o que vai ser encontrado aqui.

Diálogos que transformam características da cultura pop em termos e gírias. Linguagem visual que abusa da noção de realidade com contraluzes fortes e fora de contexto. Os atores estão normalmente centralizados como se estivessem falando com a câmera em um vídeo de youtube. Certas partes do curta são trechos de vídeos dos personagens. Isso sem contar com as fotografias para blogs, músicas baseadas em universos fictícios, divisão de imagens e até velocidade dos diálogos. Tudo resulta em conversas focadas em temas da cultura pop.

Isso, é claro, sem falar da ruiva protagonista. Ruiva nunca é pouco e essa merece os parabéns devidos. Seu nome é Mary Kate Wiles e ela já me chama a atenção tem dois anos, desde que a descobri como a irmã mais nova na websérie Lizzie Bennet Diaries e depois como a Sansa Stark na zombaria School of Thrones. Ela é muito boa atriz e sempre tem uma faceta nova para suas personagens. Infelizmente ela faz mais sucesso na internet, por isso vai ser mais difícil encontrá-la em outros filmes.

I Ship It foi feito por um grupo de realizadores de youtube com o apoio do Brian Grazer e do Ron Howard, produtor e diretor respectivamente de coisas como O Código Da Vinci e Rush – No Limite da Emoção. Esse grupo está crescendo e fazendo muitas séries e filmes para a internet. Não é a toa que a linguagem do curta é a mesma da rede.

GERÔNIMOOOOOOOO…

Sobre Vina

Publicitário frustrado, editor, cinegrafista, assistente e sonhador. Cinema é algo que não se entende completamente. Sempre se estuda.
Esse post foi publicado em Filmes e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s