Peneirando – Coherence

coherenceTalvez um thriller baseado em teorias físicas, como Donny Darko. Possivelmente um momento de histeria coletiva perfeitamente explicável em que as convenções sociais vão a baixo, como O Anjo exterminador de Boñuel. Ou será apenas um desses filmes de baixo orçamento em que tudo se passa em um único cômodo, como 12 homens e uma sentença? Não dá para dizer ao certo qual das três referências está mais certa, mas um filme que te remete às obras citadas já nasceu excelente. E Coherence (2013) é.

Oito amigos se reúnem para um jantar no mesmo dia que um cometa vai passar pela Terra. Durante a reunião, discutem estranhas notícias que eles leram sobre algo que afeta as pessoas durante esses eventos. Parece que esse tipo de corpos celestes mexe psicologicamente com os terráqueos. Então eventos estranhos começam a acontecer e as mais loucas teorias brotam na mesa, cada uma com a sua coerência.

Escrito e dirigido por James Ward Byrkit, o filme não fica tão confuso quanto Donny Darko principalmente porque há sempre uma introdução eficiente do que eles estão falando e qualquer sensação de “o que é isso mesmo?” desaparece, mesmo ele se passando em menos de 90 minutos. Muita gente após ver Donny fica com a impressão de que perdeu algo. Ele se afasta de O Anjo porque nele as tensões sociais não se aprofundam tanto como no filme surrealista e em 12 homens apenas um assunto é discutido pelos personagens. Nesse filme, muitas ideias pipocam das cabeças inteligentes ou amalucadas dos convidados e todo mundo quer dar sua opinião.

coherence (1)

A situação que se forma ao longo do jantar pode ser encarada metaforicamente, filosoficamente, autoajudamente, ou até stephenhawkinganamente. A escolha é do espectador. Agora, sem sombra de dúvidas, a escolha mais acertada de todas é não perder esse filme.

Sobre Vina

Publicitário frustrado, editor, cinegrafista, assistente e sonhador. Cinema é algo que não se entende completamente. Sempre se estuda.
Esse post foi publicado em Peneirando e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Peneirando – Coherence

  1. Pingback: COHERENCE | Eu tô ficando é velho, não é doido não!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s