A Invocação 2

sadako-3d-7

A vantagem do cinema é que, mesmo quando se assiste a um filme ruim, é possível se divertir. Até se encontrar um tão ruim e tão cafajeste na realização que nem pra rir serve. A Invocação 2 é desses. Uma realização cretina a um nível tal que a pessoa fica com raiva de si mesma por ter permitido à própria vida chegar naquele momento.

Várias pessoas que não se enquadram nos perfis de suicidas se matam e parecem estar relacionadas. As pistas indicam que a garota Nagi está relacionada ao caso junto de uma fita amaldiçoada que teria matado diversas pessoas anos antes. A tia e cuidadora de Nagi, Fûko Andô, precisa descobrir o que fazer com a menina antes que ela mesma se torne a próxima vítima da maldição.

Quem procurar o nome original do filme vai encontrar a pista do que é essa produção. Sadako 3D 2. Primeiro o nome da grande vilã do terror de 17 anos atrás. Depois 3D faz parte do título. E é continuação também, já teve um primeiro. Mas vai ainda mais longe. O filme O Chamado original, de 1998, era uma adaptação de um livro. Na verdade, foram duas adaptações. Rasen era uma espécie de continuação filmada simultaneamente, mas com equipe e elenco diferentes. O Chamado fez sucesso e Rasen não. Tanto o é que ganhou uma continuação própria e uma prequela sem relação com Rasen. Para que a lenda de Sadako continuasse a render, os estúdios japoneses fizeram continuações de Rasen. Mais especificamente Sadako 3D e Sadako 3D 2.

sadako_3d_2Nagi. A mochila de criança da vez.

Então a menina que vive no fundo do poço continua a existir. O roteiro tenta criar um twist ao fazer crer que Nagi é uma espécie de reencarnação de Sadako para chegar ao final e revelar outra coisa. Na brincadeira, ela mata um monte de gente. Sem razões aparentes. Há uma sugestão de que a Nagi mata quem ela não gosta, mas gente que nunca a viu sofre dos ataques também. Quando é revelado que ela não fez nada, não existe explicação para as mortes específicas de pessoas que a incomodavam.

O investigador que suspeita da menina a investiga com base em um comentário de um policial que estava de passagem. Toda a parte de criminalística é menos importante que a opinião de alguém que não é importante para a trama. Daí ele simplesmente encontra as pessoas envolvidas com a trama. Ele segue a seguinte linha de raciocínio. Pessoas cometem suicídio, parece com o caso de uma fita amaldiçoada, essa menina deve ser culpada.

miori-takimoto-sadako-3d-2Tia Fûko. Matar a sobrinha ou morrer?

Para realizar isso, um monte de cenas de coisas que pulam da tela aparecem apenas porque o filme é 3D. É tão tosco que os sustos fáceis ficam telegrafados. O suspense que poderia render momentos memoráveis é destruído pela necessidade constante de pregar mais um susto. Esta necessidade é tão constante que qualquer cena vira uma desculpa para algum bicho voar na tela. Na mais vergonhosa, Fûko passa uns dez ou quinze minutos em um pesadelo. No final do mesmo e depois de uns cinco sustinhos bobos, um personagem simplesmente muda de forma e pula na tela de forma aleatória.

No final, A Invocação 2 deixa uma lição importante. Jamais assista essas continuações desnecessárias lançadas diretamente para o mercado de home video. O nível encontrado é disso pra baixo. Um fiapo de trama desenvolvido vergonhosamente sem lógica e uma direção preguiçosa e canalha que fazem com que o espectador queira apenas ir embora.

 

gerônimo…

Sobre Vina

Publicitário frustrado, editor, cinegrafista, assistente e sonhador. Cinema é algo que não se entende completamente. Sempre se estuda.
Esse post foi publicado em Filmes e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s