Cenas que amamos – Dentro de Você (Labirinto: A Magia do Tempo)

Reise ins Labyrinth, Die

Ainda de luto pela morte do David Bowie, vamos fazer um Cenas que Amamos sobre o grande filme com o cantor: Labirinto. A fantasia infantil lisérgica que combinava as técnicas de efeitos especiais da Lucas Films e a animação de fantoches da Jim Henson em um musical repleto de músicas do Bowie. Ah, e a Jennifer Connely no alto dos 15 anos de idade, é claro.

A trama só não é clássica por ser tão bizarra. Garota adolescente não suporta o irmão bebê e pede ao Rei dos Gnomos para levá-lo embora. Quando descobre que a criança realmente sumiu, ela precisa mergulhar no labirinto de sonhos do Rei para resgatar o irmão. Lá pelas tantas, próxima do objetivo central do filme, ela entra numa parte do labirinto que é uma versão realista de uma pintura surrealista. Escadas que seguem em mil e um sentidos diversos com gravidades individuais.

Começa então a segunda ou terceira cena musical com letra e composição do David Bowie. A música é Within You, que significa algo como “dentro de você”. Parece estranhamente sexual, e provavelmente é. Fica óbvio para quem assiste ao filme que o Rei dos Gnomos nutre uma paixão profunda pela garota (o que é compreensível, porque se trata da Jennifer Connely). Inclusive, os caras responsáveis pelo canal Cracked, no youtube, têm a teoria de que o filme é sobre masturbação.

Seja como for, o Rei dos Gnomos continua a declarar o amor por ela. Enquanto isso, ela se afasta para tentar pegar o irmão, que se move pelas escadas através do cenário. Os efeitos são bons, o visual é lindo, a Jennifer Connely é linda, o David Bowie está usando uma calça laggie “apertada” demais e a música é ótima. Assista abaixo.

GERÔNIMOOOOOOOOOO…

Sobre Vina

Publicitário frustrado, editor, cinegrafista, assistente e sonhador. Cinema é algo que não se entende completamente. Sempre se estuda.
Esse post foi publicado em Cenas e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Cenas que amamos – Dentro de Você (Labirinto: A Magia do Tempo)

  1. Carla Rhaissa disse:

    Muito obrigada pela cena!!!!

    Sempre fui apaixonada pelo surrealismo!!!! ( nunca soube o pq. Talvez por conta dos filmes, mas a época da arte que mais me atrai é definitivamente o surrealismo).

    Na fase adulta eu vi o quadro que se assemelhava a esta cena e meu cérebro fez logo a conexão!!!!

    Acho que isto foi muito revolucionário para minha época e minha tenra idade!!! Me marcou muito e queria muito saber o nome do filme…

    Com relação ao visual do David Bowie, normal para o final dos anos 80 e início dos anos 90…

    Mistura de metal farofa (cabelo e calça de couro) e o punk (a calça justa, o preto muito preto, até mesmo a temática de mal e transgressor), além do estilo da música há uma certa referência…

    Acho que outro motivo que me faz admirar esta década e o punk rock

    Nossa preciso rever este filme urgentemente com outros olhos!!!

    Detalhe: o nome da atriz não me é estranho, mas não consigo reconhecê-la de jeito nenhum no filme!!! (Nova demais???). E não sabia que era produção de George Lucas!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s