Cenas que amamos – Deve ser ilusão (Kung-fu Futebol Clube)

cartão amarelo para jogador fumante

No meio dos anos 2000, um filme chinês surpreendeu o mundo com um humor muito bem sacado sobre kung-fu. Na verdade, Kung-fusão fez tanto sucesso que rendeu até a exportação internacional do filme anterior do diretor Stephen Chow: essa hilária mistura de artes marciais com futebol.

Para tentar fazer com que o kung-fu volte a ser popular na China, o mendigo e mestre Sing (Chow) convence os amigos a usar as artes no futebol. Afinal, kung-fu está em tudo, como diz o Jackie Chan no remake de Karate Kid. Todo o humor surge de uma brincadeira sobre um monte de homens velhos e acabados que fazem mil estripulias com a ajuda de efeitos especiais de ponta (para a época era o que havia de melhor, apesar de ter envelhecido mal).

Entre um ritmo diferente para a comédia, típico da China, os monges apanham até recuperar as habilidades e, nesta cena, voltarem a jogar bem. Tudo vale na piada. Desde um dos mestres receber um cartão amarelo por fumar em campo até a reação descrente do outro time. Veja abaixo.

Sobre Vina

Publicitário frustrado, editor, cinegrafista, assistente e sonhador. Cinema é algo que não se entende completamente. Sempre se estuda.
Esse post foi publicado em Cenas e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s